Foi preso na segunda (05/02) o autor do disparo em um bar na Maraponga, identificado como Cícero Dhonata, 20 anos. Ele, com uma vasta ficha de crimes, como roubo, associação criminosa e tráfico de adolescentes, foi preso durante uma tentativa de assalto a uma agência dos Correios, na Aldeota.

Essa semana, a administração do estabelecimento “Bar do Cebolinha” divulgou uma nota, nas redes sociais, onde irresponsavelmente atribuiu o disparo a um policial, que teria entrado em confronto com um outro cliente. Fato que já havia sido desmentido, também em rede social, pela mãe da vítima.

Estamos aguardando o pedido público de desculpas do estabelecimento, pelo ato criminoso de calúnia ao mesmo tempo em que repudiamos a conduta dos proprietários do estabelecimento, frequentado por pessoas de bem, incluindo muitos agentes da Segurança Pública, que foram indiretamente atacados com a tal nota.

A Associação dos Profissionais de Segurança (APS) esteve nesta terça no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar e foi solicitada uma ação da instituição contra o “Bar do Cebolinha”, considerando que o mesmo atentou contra a imagem de toda a família policial!

Deixe seu comentário