Representantes das associações de policiais e bombeiros foram a Brasília apoiar a Proposta de Emenda Constitucional, de autoria do deputado Cabo Sabino, que prevê a jornada de 40 horas semanais em todos os estados.

Este importante passo para uma melhor qualidade de vida dos profissionais da segurança tem de ter o apoio de todos. Para ajudar o cabo Sabino no convencimento dos demais parlamentares, o vice-presidente da Associação dos Profissionais da Segurança (APS) Noélio Oliveira, o diretor Cleyber Araújo e o presidente da Associação dos Cabos e Soldados, Eliziano Queiroz estão em Brasília.
Vamos juntos compartilhar esta ideia e mostrar que a união, novamente, fará a diferença para a aprovação de mais este importante projeto em benefício dos policiais e bombeiros militares que, atualmente,não possuem carga horária definida em lei. Juntos nós podemos!

Deixe seu comentário